Amor incondicional: o melhor amigo do homem

Seja pobre, rico, branco, negro, os cães nunca abandonam seu lar e seu dono.

Por Tamires Gazola, estudante de Jornalismo UniToledo Araçatuba


Cachorro- Fonte: EPTV Rede Globo

Quando recebemos um cachorro em casa, toda a atenção é voltada para ele e da mesma forma que você entrega seu amor para aquele cão ele te retorna de forma igualitária ou até melhor. Há um grande ditado que diz:

“O cão é o melhor amigo do homem”

Essa frase é conhecida desde a antiguidade e com isso, os cachorros foram ganhando cada vez mais espaços nos lares, a ponto de já serem tratados como membros da família. Sendo assim, para algumas pessoas os cães são como filhos.

Os animais necessitam de atenção diária, boa alimentação, exercícios e cuidados diferenciados, porém isso não acaba por aí. Os cães necessitam também de passeios, como nós, pois além de fazer um bem enorme para sua saúde física, isso favorece que o animal tenha menos estresse, ou seja, a sua saúde mental também é beneficiada. Ademais, devemos também sempre manter a higiene dos potinhos, pois acumulam muitas bactérias que pode ser prejudicial à saúde do animal.

As raças de cachorros mais populares no Brasil são:

Fonte: Jornal Brasil Econômico.

  • SRD- Vira Latas (20,6%)
  • Poodle (12,1%)
  • Labrador Retriver (5,7%)
  • Yorkshire Terrier ( 5,0%)
  • Outros (44,5%)

Todo cachorro merece um lar, adoção é amor.

Hoje em nosso país, segundo o Instituto Pet Brasil, temos mais de 170 mil animais sob os cuidados de 370 ONGs e grupos que atuam na área de proteção animal.

Fonte: G1 São Paulo/ Instituto Pet Brasil

As causas de abandono aos animais são diversas, isso porque os cães são dependentes de seus donos para que possam viver.  A situação econômica de pessoas que vivem em situação de pobreza acaba influenciando no descarte do animal na rua, pois por conta dessa questão social correm o risco maior de serem abandonados. Além disso, ocorrem casos em que o dono do cão faleceu e a família não quer cuidar do mesmo, sendo assim abandonam ou mandam para as ONGs responsáveis.

Em Birigui, há uma Organização Não Governamental nomeada de “Anjo Animal”. Eles contam com doações e voluntários para sobreviverem e ajudar aos animais; a associação não conta com nenhum fim lucrativo de órgãos públicos.

A instituição frequentemente faz vaquinhas, bingos, sorteios, rifas para que consigam arrecadar dinheiro para alguns animais que chegam em situações precárias e precisam de assistência veterinária. Além disso,  a ONG encontra-se com dívidas, pois conta apenas com doações e recursos dos próprios envolvidos.  

Essa associação faz campanhas de doação pelas redes sociais e aos sábados, das 10h da manha até às 14h, fazem uma feira de adoção de animais em uma das principais praças da cidade, Praça James Mellor. Além disso, eles ajudam na divulgação e na procura de cachorros perdidos que já possuem tutores.

Adoção Responsável

José Luiz Rodrigues, 61 anos, aposentado, é um grande exemplo. Há dois anos atrás, estava caminhando pelo bairro onde mora quando se deparou com uma cachorra abandonada, assustada, magra, suja, com medo e arisca com as pessoas que tentavam se aproximar dela para alimentá-la.

Ele não pensou duas vezes e com muito esforço conseguir resgatá-la, levou a cachorra para sua residência. Entretanto, no começo ele queria apenas ficar com ela, até que achasse algum tutor para cuidar da mesma.

Dois dias após a chegada de Amora (SRD), como foi nomeada pela família, eles não queriam mais dá-la para outra pessoa e resolveram adotá-la. Compraram casinha, roupinha, coleira e deram muito amor para que ela se sentisse acolhida novamente. Aos poucos, Amora se tornou membro da família.

Leonardo, 21 anos, filho de Jose Luiz, completa:

“Quando ela chegou tentávamos de tudo para nos aproximar, porém, com o trauma que ela teve de ser abandonada e viver na rua, foi um pouco difícil de agradá-la. Sempre gostamos de cachorros, mas por conta de algumas perdas, ficamos um tempo sem animais em casa, até que chegou a Amora”

Há um ano, Amora deu cria a dois filhotes e a família resolveu adotá-los também. Sendo os três a felicidade da família hoje em dia, pois são muito companheiros dos donos, como declara a família.

Arquivo Pessoal- Filhotes de Amora (SRD)

Arquivo Pessoal-Amora após ser adotada (SRD)

Portanto, para os animais não existe distinção de quem você é, o que você faz e como você vive, para eles só importa o amor e carinho que é dado a eles, seres inocentes que só tem muito amor para retribuir.

O amor de um animal é capaz de suprir todas as coisas ruins do dia a dia de uma pessoa.

Este ano, no Brasil, foi aprovado um projeto no Senado que PROIBE que os animais sejam tratados como coisas, além disso, a pena para maus tratos a animais aumentou e geram várias consequências a quem pratica este ato.

Caso você veja ou conheça alguém que maltrate qualquer tipo de animal, DENUNCIE!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close